Fazenda Primavera

Fazenda Primavera

Fazenda Primavera é exemplo de caso de sucesso de sistema IPF na Bahia.

Walter Falcão Carvalho, é proprietário da Fazenda Primavera, em Teixeira de Freitas, na Bahia. Ele implantou o sistema Integração Pecuária Floresta (IPF), em 2016, considera um sucesso e já faz planos futuros.

Walter foi um dos pecuaristas que recebeu a visita dos técnicos da Rede ILPF e pesquisadores da Embrapa, durante a passagem da Caravana ILPF, pelos estados do Espírito Santo e Bahia, entre os dias 4 e 8 de abril.

A caravana ILPF tem entre as diversas atividades, visitas técnicas e científicas, com o objetivo de conhecer áreas de ILPF e levantar dados para futuros diagnósticos regionais.

A equipe da Caravana ILPF, composta por técnicos da Rede ILPF e cinco pesquisadores da Embrapa, além de vários representantes de empresas do segmento do agronegócio, desembarcou na fazenda Primavera para conhecer a propriedade.

A área foi adquirida pelo pai do senhor Walter em 1976 e já em 1977 a família começou a implantação do sistema Voisin de pecuária em rotacionado, vocação da fazenda, apesar de eles terem investido simultaneamente em silvicultura por 19 anos.

“Em 2014 foram colhidos 12 hectares de eucaliptos, deixando cerca de 20% das árvores e em 2016 começamos deixar as árvores e o capim,” explica Walter.

De acordo com o pecuarista, ele começou a testar o sistema Lavoura Pecuária Floresta (IPF), por conta própria para avaliar os resultados. Dos 750 hectares de área total, 250 deles foram destinados ao sistema IPF. 

“Desenvolvi uma área de piquetes pra baças de leite nessa área e já desde o início observamos o conforto das vacas, além de constatar que tanto a gramínea, quanto o eucalipto iam muito bem e aí resolvemos continuar investindo,” garante ele.

Walter pretende destinar a madeira para serraria, segundo ele o valor agregado é melhor do que para celulose. E a ideia é avançar ainda mais, futuramente pretende inserir a lavoura com o cultivo do milho.

“O sistema adotado pela Fazenda Primavera impressiona pela originalidade e protagonismo do seu design e condução. Os resultados apresentados impressionam e evidenciam que o sistema de integração lavoura-pecuária-floresta, nas suas mais variadas formas, é extremamente flexível e pode ser modelado facilmente segundo as características físicas locais, bem como com as necessidades e objetivos da fazenda promovendo aumento de eficiência e diversificação de renda, além de serviços ambientais,” acrescenta o pesquisador da Embrapa Gado de Leite, Marcelo Muller, um dos pesquisadores que fez parte da Caravana ILPF.

“Aumentar a produtividade em uma mesma área é muito bom, além de melhorar visivelmente o bem-estar dos animais. Eu gostei muto dos resultados e recomendo para quem pretende implantar,” finaliza o produtor.

Caravana ILPF

A caravana ILPF é uma expedição técnica e científica, realizada pela Rede ILPF e Embrapa, que vai percorrer 10 estados brasileiros entre 2022 e 2023 para difundir a ILPF no país. Fazem parte das atividades visitas técnicas e institucionais, dias de campo, mesas redondas e reuniões com diversos segmentos do agronegócio para levar informações e avançar em áreas de sistemas implantados no país.

ILPF

A ILPF é uma tecnologia de produção agropecuária com grande potencial de mitigação de emissões de gases de efeito estufa e sequestro de carbono pelo solo e biomassa, além de uma série de outros benefícios socioambientais e econômicos. A implementação dos sistemas ILPF variam de acordo com as características de cada região.

Metas

Segundo estimativas da Rede ILPF para a safra 2020/2021, a área ocupada com os sistemas ILPF no Brasil corresponde a 17,4 milhões de hectares. A Rede ILPF tem o propósito de ampliar essa área para 35 milhões de hectares até 2030, além de diversificar os sistemas de produção e aumentar a representatividade do componente florestal nesses sistemas. Dessa forma, a ILPF irá contribuir para o alcance das metas apresentadas pelo Brasil em sua Contribuição Nacionalmente Determinada (NDC) ao Acordo de Paris durante a COP-21 e reforçadas pelo Programa ABC+ do MAPA e os compromissos assumidos na COP-26.

Sobre a REDE ILPF

A Associação Rede ILPF é formada e cofinanciada pelas empresas Bradesco, Cocamar, John Deere, Soesp, Syngenta e pela Embrapa e tem como propósito contribuir para o aumento da produtividade de forma sustentável no campo.